Trust Tour Workshop em Évora, Portugal – Formação no método ExQuorum

Trust Tour Workshop em Évora, Portugal – Formação no método ExQuorum

No âmbito de um workshop intercultural do projecto Trust Tour, 12 participantes reuniram-se em Portugal de sexta-feira 26 a segunda-feira 29 de Novembro de 2021. Este foi o terceiro workshop do projecto e o primeiro workshop a ser realizado frente a frente! As equipas foram alojadas pelo parceiro do projecto Ex Quorum em Évora.

Um atelier europeu em Évora para descobrir o método da ExQuorum's Trust Tour

Através do teatro e da co-criação, o projecto Trust Tour questiona as relações entre os habitantes nativos e locais do território europeu. Inspirados por várias experiências realizadas entre 2016 e 2019, 4 parceiros artísticos europeus (da Alemanha, França, Itália e Portugal) propõem-se colaborar e conceber métodos artísticos inovadores para ajudar qualquer grupo multicultural a criar espectáculos teatrais.

A Trust Tour visa proporcionar um espaço de criação e reflexão para jovens e idosos, artistas, professores e o público europeu. Um espaço que estimula a criatividade para imaginar em conjunto o futuro da sociedade. Ao fornecer novas ferramentas artísticas para criar ‘commons’ e construir novas narrativas, a Trust Tour tem como objectivo capacitar os jovens que vivem na Europa e, através deles, a coesão social para o nosso futuro.

Em 2021 e 2022, a Trust Tour está a desenvolver uma série de 4 workshops europeus em Dortmund, Paris, Évora e Rocca Sinibalda, todos eles fases de desenvolvimento de criações que questionam as questões em jogo (interculturalidade, direitos humanos, criação dos bens comuns, etc.) e formam cidadãos nos 4 métodos do projecto.

Em Novembro de 2021, 12 participantes da Alemanha, França, Portugal e Itália reuniram-se em Évora, Portugal, para receberem formação na metodologia artística criada pela ExQuorum. O objectivo era também criar um desempenho baseado no método explorado. Este método coloca em perspectiva os 3 outros métodos do projecto:

  • O método de La Transplanisphère (França) que trata do teatro documental e das representações corais 
  • O método de KJT Dortmund (Alemanha) explorando viagens iniciáticas em contos e mitos através de ferramentas artísticas digitais 
  • O método do Teatro Rigodon (Itália) baseado em Boccaccio Decameron que aborda a ligação entre o desporto e o teatro

Descubra os 4 parceiros europeus presentes durante este workshop em Portugal.

Ex Quorum

Parceiro português

Teatro Rigodon

Parceiro italiano

KJT Dortmund

Parceiro alemão

La Transplanisphère

Parceiro francês e coordenador do projecto

Dia 1 - Lançamento da oficina

Na sexta-feira 26 de Novembro, as equipas foram recebidas no espaço de criação do Ex Quorum.

Este foi o momento para jovens e formadores artísticos se encontrarem, através de exercícios de quebra de gelo que ajudaram a lançar a dinâmica de grupo.
Após um momento de intercâmbio, os parceiros portugueses explicaram o programa destes 4 dias e as expectativas do workshop.

Estava então planeada uma visita à cidade. O objectivo era descobrir os diferentes lugares previstos para implementar os projectos artísticos. Estes lugares são emblemáticos da cidade e da comunidade local, com uma forte dimensão cultural e social.

O dia terminou com uma refeição de convívio com toda a equipa da oficina.

Dia 2 - Criação artística

O segundo dia foi dedicado às criações artísticas. 
Os participantes foram divididos em três grupos de trabalho com o objectivo de criar várias representações artísticas em torno do mesmo tema. Os métodos desenvolvidos pelos parceiros alemães, franceses e italianos do projecto foram explorados no processo criativo dos diferentes grupos.

Um grupo trabalhou na encenação do texto Minhia Europa, criado pelo Ex Quorum, um texto que apela à solidariedade e à união na Europa. 

Com o objectivo de conhecer a população local e numa lógica de teatro documental, um grupo trabalhou na criação de perguntas para conduzir entrevistas com a população local. 

Um terceiro grupo trabalhou na criação de performances artísticas in-situ baseadas no movimento e no corpo, dedicadas aos lugares emblemáticos que os participantes tinham visitado na véspera.

Dia 3 - Filmagens e actuações

O terceiro dia foi dedicado às filmagens e à representação das diferentes realizações. 

Os participantes realizaram várias entrevistas com os membros do projecto e com uma comunidade de mulheres de Évora, ligadas a uma associação local. Estas entrevistas constituíram a base para várias cenas teatrais executadas pelos participantes.

A tarde foi dedicada exclusivamente às filmagens e à representação das diferentes criações artísticas que envolveram todos os participantes. 

Os jovens assistiram então a uma representação teatral de mulheres da associação. A associação está directamente ligada à área de Évora que nos interessa. À noite, o grupo teve a oportunidade de partilhar uma refeição com estas mulheres. Um grande momento de intercâmbio e convívio com a comunidade local! 

Dia 4 - Filmagem, avaliação e encerramento

Durante este último dia, os participantes realizaram as últimas filmagens das criações artísticas durante a manhã. 

Seguiu-se um momento final de convívio com toda a equipa da oficina, em torno de uma refeição típica portuguesa.

Era então altura de avaliar o workshop para todos os participantes, sobre estes 4 dias de trabalho passados em Portugal. A avaliação centrou-se na qualidade do seminário e nas competências adquiridas pelos participantes. 

Opinião dos participantes

“Consegui conhecer um novo país, novas pessoas e outras perspectivas sobre o mundo. Foi óptimo receber tantos impulsos em muitos níveis diferentes: impressões visuais e experiências físicas e artísticas”!

“Este workshop foi uma grande experiência de diálogo intercultural e de partilha em torno de práticas artísticas. Conhecer a comunidade local, outros participantes de outros países, discutir e criar em conjunto foi realmente enriquecedor”!

“O que mais me impressiona é poder relacionar-me com outras pessoas que estão no “mesmo barco” que eu, que são guiadas por crenças comuns e partilham as mesmas paixões”.

“Pessoas espantosas, muito abertas e amigáveis. O impacto criativo é incrível”.

“Trabalhamos realmente como uma equipa e interagimos uns com os outros”.

“Todos puderam participar da forma que quiseram, com as suas próprias capacidades e interesses. Tínhamos o material inicial, mas depois cada um podia apropriar-se dele e criar as suas próprias coisas em colaboração nessa base”.

“Conheci um novo grupo de pessoas encantadoras e inspiradoras. Foi muito bom conhecer bairros diferentes”.

Para descobrir as nossas criações durante este workshop, não hesite em seguir o projecto:

Share this Post

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>
*
*